Profissionais do SESI participam de Seminário de Saúde e Bem-Estar em Campina Grande

Compartilhe essa notícia

Neste final de semana, profissionais da área de Promoção à Saúde do SESI Paraíba, participaram do I Seminário de Saúde e Bem-Estar. O evento promovido pelo Sebrae foi realizado em Campina Grande, com o objetivo de disseminar informações, inclusive cientificas, sobre a importância e os impactos positivos de ações de promoção a saúde na vida das pessoas.

Dentre os temas abordados no seminário, alguns deles tiveram grande relevância para os profissionais do SESI que desempenham atividades do “mundo” FITNESS, como por exemplo, Neurocoaching Aplicado ao Treinamento Esportivo, Gestão Empreendedora de Academias e Estratégias para Conquistar e manter Clientes.

A Unidade de Saúde e Segurança na Indústria do SESI/PB, através de suas áreas de SST e Promoção da Saúde, tem contribuído de forma significativa junto as empresas com ações focadas na promoção de um ambiente laboral seguro e saudável e no bem-estar dos trabalhadores.

Este estímulo tem elevado a busca das pessoas por atividades ligadas a saúde e bem-estar como oportunidade de mudança para um estilo de vida mais ativo e saudável. De acordo com o IBGE no Brasil, 61,3 milhões de pessoas com idade igual ou superior a 15 anos, o que equivale a 37,9% do total de 161,8 milhões de pessoas nessa faixa etária praticam algum tipo de esporte ou atividade física, dos quais 53,9% eram homens e 46,1%, mulheres.

Dentre as atividades mais procuradas o futebol se destaca, acompanhado das caminhadas e atividades fitness (academias de musculação e ginástica).No tocante as atividades voltadas para a qualidade de vida, 11,2 milhões de pessoas (28,9%) registram como principal motivo para a prática de alguma atividade ligada ao esporte a necessidade de relaxar ou se divertir, sendo tal justificativa,mais comum entre os homens (37,8%) do que entre as mulheres (13,5%).

Porém, segundo o gerente de Promoção da Saúde SESI/PB, Kléber Barbosa, mesmo com os números favoráveis a esta prática muito ainda temos a desenvolver, se o SESI tomar como base a pesquisa realizada pelo Ministério de Saúde, que revela que as doenças crônicas avançam com um aumento de 61,8% de diabetes e 14,2% de hipertensão, ou seja, mais da metade da população está acima do peso recomendado e 18,9% dos brasileiros estão obesos. O estudo mostra que o Brasil está na transição da desnutrição para a obesidade. É preciso promover a saúde.

Para saber mais informações sobre as ações da Unidade de Saúde e Segurança na Indústria do SESI/PB, os interessados devem ligar ara o telefone (83) 2101-5390.