Ex-ministro preso é xingado: “ladrão”, “safado”

Compartilhe essa notícia

O ex-ministro Henrique Eduardo Alves (PMDB), preso na Operação Manus, deixou sua residência sem algemas, escoltado por agentes nesta terça-feira, 06, em Natal (RN).

Aliado do presidente Michel Temer, Alves foi levado sob os gritos de “ladrão” e “safado” de pessoas que aguardavam em frente ao prédio de luxo onde mora na capital do Rio Grande do Norte.

Alves foi preso pela Polícia Federal sob suspeita de receber propina para favorecer empreiteiras na construção da Arena das Dunas, estádio erguido para a Copa do Mundo, em 2014.

*fonte: veja.com