José Serra é a ´bola da vez´ nas delações da ´Lava Jato´

Compartilhe essa notícia

O nome do ministro das Relações Exteriores, José Serra, deve aparecer nas delações que estão sendo negociadas com a Odebrecht e a OAS, revela o jornal O Globo.

O envolvimento em ambos os casos estaria relacionado ao período em que Serra foi governador de São Paulo, de 2007 a 2010.

No caso da Odebrecht, ainda conforme o jornal, a delação deve detalhar propina paga durante a obra do trecho sul do Rodoanel a Paulo Vieira de Souza, ex-diretor da empresa que administrava a construção de rodovias do estado na gestão Serra, a Dersa.

Já a OAS deve tratar da propina que teria sigo paga pelo próprio Leo Pinheiro, sócio e ex-presidente da empreiteira, a uma pessoa próxima de Serra que dizia falar em nome do governador.

Em resposta sobre o assunto, Serra afirmou: “Não cometi nenhuma irregularidade, tampouco autorizei terceiros a falar em meu nome.”

*fonte: o globo