• Campina Grande - PB
  • pbconfidencial@gmail.com

barra

Campina Grande e João Pessoa registram chuvas e trovões; Defesa Civil amanhece em alerta monitorando áreas de risco

a

Chuva e trovão. As cidades de João Pessoa e Campina Grande amanheceram nesta quarta-feira (13) com chuvas fortes, relâmpagos e trovoadas, conforme já tinha sido anunciado pelos órgãos que estudam o clima e que na tarde de ontem emitiram um boletim de alerta sobre as mudanças climáticas em todo o Estado.

Em Campina Grande, choveu forte durante a madrugada, e muitos canais transbordaram. A Defesa Civil amanheceu em alerta monitorando as principais áreas de risco da cidade.

Em João Pessoa, choveu ao todo 31 milímetros, em um intervalo de 12 horas, com a Defesa Civil da capital. O bairro com maior volume de precipitação foi o Centro, seguido do bairro de Tambauzinho. O volume de chuvas registrado é das 19h da terça-feira (12) às 7h desta quarta-feira (13). Vários pontos de alagamentos foram registrados na Capital.

Em João Pessoa, alguns pontos de lentidão no trânsito e semáforos intermitentes e apagados complicam a vida do pessoense.

Por conta do acúmulo de água em alguns pontos da Capital a Semob está orientando o trânsito e realizando desvios em alguns locais como a principal dos ancários

A Agência Executiva de Gestão das Águas do Estado da Paraíba (Aesa-PB) emitiu uma alerta, na tarde desta terça-feira (12), sobre a possibilidade de fortes chuvas no litoral do Estado com rajadas de ventos e trovoadas nas próximas 48 horas.

Em comunicado enviado à imprensa, a Aesa informou que as chuvas devem ser registradas em decorrência ao posicionamento de um Vórtice Ciclônico formado em altos níveis da atmosfera.

“Dependendo do deslocamento e intensificação de tal sistema, o mesmo poderá favorecer à ocorrência de chuvas em áreas do Litoral (inclusive região metropolitana de João Pessoa) e adjacências. Há maior probabilidade de eventos de chuva significativos no decorrer das próximas 24 a 48 horas”, diz um trecho da nota.

Nas outras regiões do Estado, a Aesa prevê que poderão ocorrer pancadas isoladas de chuva. O órgão informou que está em estado de atenção. “Ressalta-se que as pancadas de chuva previstas para as áreas de aviso poderão ser localizadas em virtude da formação de nuvens tipo Cumulonimbus, a qual, dependendo da sua intensificação poderá gerar chuvas acompanhadas por trovoadas e rajadas de vento”, afirmou a entidade.

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Print this pageEmail this to someone

About the author /


Related Articles

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com