Presidente da Aesa lamenta tentativa de privatização dos serviços de água em Campina

Compartilhe essa notícia

O presidente da Agência Executiva de Gestão das Águas do Estado da Paraíba (Aesa), João Fernandes, falou nessa terça-feira (17) sobre o Açude Epitácio Pessoa, localizado no município de Boqueirão.

– A situação de Boqueirão a cada dia que passa fica melhor. Tudo aquilo que estamos prevendo, que era o aumento incessante do volume de água do açude está acontecendo, e hoje temos 37 milhões de metros cúbicos de água graças aos aportes colocados pela transposição do São Francisco – disse.

Foto: Paraibaonline

Foto: Paraibaonline

Além disso, Fernandes comentou sobre o prefeito Romero Rodrigues ter enviado à Câmara Municipal de Campina Grande (CMCG) Projeto de Lei que prevê parceria público-privada para diversas áreas, dentre as quais, os serviços de água e esgoto de Campina Grande.

– Eu acho que tem todo direito de pedir a autorização à Câmara para fazer parceria público-privada. Infelizmente, os administradores do Brasil fazem tudo que o neoliberalismo determina, que só se fala em parceria público-privada, porque não sabem fazer outra coisa. A Cagepa é uma empresa que está consolidada na Paraíba prestando serviço a todo o Estado e a Campina Grande. Lamento que o objetivo não seja servir melhor ao povo. Certamente, o objetivo é ter uma empresa a serviço do grupo que comanda a Prefeitura de Campina Grande – concluiu.