Exposição Agropecuária será encerrada neste domingo em Campina Grande

Compartilhe essa notícia

O gerente estadual da Defesa Agropecuária e coordenador da Exposição Agropecuária e Produtos Industriais(Expapi), Rubens Tadeu, falou que houve um período de sete anos que não foi realizada a exposição em Campina Grande.

– Antes o estado da Paraíba tinha um status de risco médio em febre aftosa, o que inibia a realização de eventos, pois os animais de outros estados que entravam no estado da Paraíba após o término do evento teriam que ficar em quarentena para depois voltar aos estados de origem. O governo do Estado, após adquirir em 2011 junto ao Ministério da Agricultura o status de livre de febre aftosa com vacinação, iniciou realizando a exposição de João Pessoa. Este ano tomou a decisão de realizar a Expapi numa parceria com a sociedade rural paraibana, que tem sede no município de Campina Grande – explicou.

Além disso, Tadeu elencou os incentivos concedidos pelo governo do estado aos pequenos produtores, como, por exemplo, o programa de sementes fornecendo gratuitamente a cultura do sorgo para realização de forragem e a distribuição do volumoso.

– Para que o produtor tenha acesso a esse volumoso tem que estar com o atestado de vacinação contra febre aftosa em dia. A Empasa tem a venda de silagem subsidiada em torno de 50% do valor adquirido em licitação, o que ajuda demais pela conservação de forragem – disse.

A Exposição Agropecuária será encerrada neste domingo, 28.