Disputa pela presidência estadual do PT já tem quatro pré-candidatos

Compartilhe essa notícia

Concluída a apuração do PED (Processo Eleitoral Direto), que elegeu os novos dirigentes em 146 municípios da Paraíba, o Partido dos Trabalhadores (PT) se volta agora para a disputa pela direção estadual. As tendências internas já apontam para quatro nomes para disputar a presidência estadual do PT, em substituição a Charliton Machado.

A partir do PED, os diretórios municipais escolherão os delegados para a congresso estadual da legenda, que acontece nos dias 5 e 6 de maio, em João Pessoa. Nesse congresso é que serão eleitos os novos dirigentes partidários na Paraíba.

O secretário estadual de organização do PT, Jackson Macedo, destacou que o processo envolveu todos os filiados da legenda no estado. Ele destacou que quase seis mil pessoas disputaram alguma indicação no Processo Eleitoral Direto do final de semana passado.

Jackson é um dos pré-candidatos a presidente estadual do Partido dos Trablhadores e tem apoio do atual presidente. Também são citados como pré-candidatos a presidente estadual o deputado estadual Anísio Maia, o ex-secretário de Agrcitura, Marenilson Fonseca; e o sindicalista Josenildo Feitosa.

O secretário de organização garantiu que a legenda, mesmo com as denúncias contra alguns dos suas mais ilustres lideranças nacionais, vêm crescendo e nos últimos três anos o número de filiados pulou de 22 mil para quase 35 mil filiados.