Ricardo ironiza críticos do Parque de Bodocongó: “É a famosa dor de cotovelo”

Compartilhe essa notícia

Durante a inauguração da primeira etapa do Parque Bodocongó, ocorrido nesse sábado, 1º, em Campina Grande, o governador Ricardo Coutinho ‘alfinetou’ os opositores que criticaram a obra.

Segundo ele, a obra significa “o compromisso do governo do Estado com a Rainha da Borborema, diferente de alguns que falam muito e fazem pouco”.

Ricardo destacou que as críticas provenientes de alguns vereadores campinenses é “dor de cotovelo”.

 

– Diferente de alguns que falam muito e fizeram pouco, preferimos fazer muito e falar pouco. Acho que cada um dá o que tem. Apesar deles, a obra está aqui. Na verdade, isso é a famosa dor de cotovelo. Isso é coisa de gente que não tem o que inaugurar e fica morrendo de ciúmes, de inveja das coisas boas que o governo tem feito em Campina Grande e no Estado nesses seis anos. Essas demonstrações de pequenez é que ainda afloram. Apesar disso, convido esses que têm a mente tão pequena e de inveja que venham arejar a cabeça no Parque Bodocongó – ironizou.

Sobre desassoreamento do açude de Bodocongó, o gestor lamentou que a Prefeitura de Campina Grande tenha perdido o convênio para realizar a obra.

– Só não posso fazer a dragagem deste açude porque esse dinheiro foi para a Prefeitura de Campina Grande e esta perdeu o dinheiro. Mas, todo o resto iremos fazer por respeito ao povo de Campina – comentou.

Ricardo frisou ainda que o prefeito Romero Rodrigues não tem cultivado nenhuma parceria com o governo do Estado.

– Em absolutamente nenhuma, não há nenhuma parceria. A própria saúde, onde nós concentramos o atendimento de ponta e de alta complexidade, não só para Campina Grande, praticamente não recebemos nada. Mas, as coisas não param porque alguns não cumprem com as suas obrigações. Isso não atrasa a caminhada do governo em Campina. As pessoas amadureceram muito ao longo desses anos, para saber distinguir quem trabalha e quem não trabalha – pontuou.

Por fim, o chefe do Executivo estadual destacou que a gestão dele fez mais do que qualquer outro governo, municipal ou estadual, por Campina Grande.

– O que nós fizemos aqui em Campina Grande, posso andar de cabeça erguida, é muito mais do que qualquer governo municipal ou estadual fez – finalizou.