Buega Gadelha diz que existe confusão de terceirização com precarização

Compartilhe essa notícia

O empresário Francisco Buega Gadelha, presidente da Federação das Indústrias do Estado da Paraíba (Fiep), falou sobre o projeto de terceirização irrestrita, que foi aprovado pela Câmara Federal na última semana.

 

  A terceirização já existe, ela apenas não era regulamentada. Tinha apenas uma súmula 331 que dizia que podia praticar a atividade meio terceirizada e não atividade fim, mas isso é impossível. Por exemplo: vai construir um edifício e se chama uma empresa de estrutura metálica para fazer a cobertura. Isso é uma atividade fim e é terceirizada por uma empresa. Agora, o que as pessoas confundem muito é terceirização com precarização, que é aquela pessoa que não tem direito a nada. Terceirização é quando chama uma empresa que tem mais competência  concluiu.