Romero pretende transformar PMCG apenas em patrocinadora do Maior São João do Mundo

Compartilhe essa notícia

O prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, comentou sobre os novos planos que estão sendo estudados para o São João de Campina Grande, durante a visita da prefeita de Caruaru, Raquel Lyra, que discutiram parcerias nesta quinta-feira, 26.

Ele destacou que será lançado um edital, mudando todo formato da gestão do Evento.

A proposta será que a gestão da festa será feira por uma parceria público-privada, através de uma licitação.

Ele explicou que, apesar de se basear em uma parceria público-privada, o que prevê que a gestão do evento seja feita por uma empresa organizadora privada, “O Maior São João do Mundo” continuará sendo para o povo e com entrada gratuita.

– É importante deixar claro que nós não vamos privatizar. A festa é pública e todos vão continuar tendo acesso gratuito. A cultura regional será mantida, com nomes dos artistas que deverão ser contratados já no edital, incluindo também a parte religiosa do evento. É um modelo bem avançado para os padrões de hoje, pois se baseia em uma PPP (Parceria Público-Privada), e nós estamos estudando desde o final do ano passado. Nessa proposta, a Prefeitura seria a promotora da festa, mas a gestão do evento seria feita por uma organizadora. O objetivo principal é economizar substancialmente. Mas claro, que tudo irá se submeter ainda a um processo licitatório e não sabemos se será aplicado ainda ao São João deste ano – explicou Romero.