Com show de Grafite, Santa Cruz começa bem na elite do Brasileirão

Compartilhe essa notícia

O Santa Cruz está em lua de mel com sua torcida. Após conquistar o Campeonato Pernambucano e a Copa do Nordeste, o Tricolor começou com o pé direito em seu retorno à elite do Campeonato Brasileiro.

Jogando na manhã deste domingo, no Arruda, a Cobra Coral venceu o Vitória por 4 a 1 com dois de Grafite – o primeiro, um golaço para ficar na história do estádio -, um do estreante Fernando Miguel e outro de Keno, de pênalti. Kieza fez o gol de honra dos visitantes.

O Vitória começou melhor a partida e teve duas oportunidades para abrir o placar, mas no momento de finalizar. Já o centroavante Grafite precisou apenas de uma bola para inaugurar o marcador.

O camisa 23 driblou o primeiro marcador, deu uma caneta no segundo e finalizou no ângulo. O veterano de 37 anos estava impossível e, de cabeça, ampliou o placar ainda no primeiro tempo.

Na segunda etapa, o forte calor limitou as ações das equipes, mas após a parada técnica para hidratação, os times voltaram a imprimir um bom ritmo. Kieza deu esperanças para a torcida do Vitória aos 34 minutos, quando aproveitou rebote de Tiago Cardoso após chute de Diego Renan.

Logo em seguida, porém, Fernando Miguel aproveitou jogada individual de Keno e fez o terceiro. No fim, o próprio Keno sofreu pênalti e, na cobrança, fechou o placar.

Na próxima rodada, a segunda do Brasileirão, o Santa Cruz visita o Fluminense no Estádio Raulino de Oliveira, sábado, às 18h30 (de Brasília). Já o Vitória recebe o Corinthians no Barradão, domingo, às 16h.

Antes disso, porém, o Rubro-Negro recebe a Portuguesa, quinta-feira, às 21h30, em jogo de volta da segunda fase da Copa do Brasil. O primeiro confronto terminou sem gols no Canindé e o Leão precisa da vitória para se classificar.