Adriano avisa: Anderson Maia pode ficar sem legenda se não apoiar sua candidatura

Compartilhe essa notícia

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Adriano Galdino (PSB) fez um alerta aos membros do partido em Campina Grande que ainda não se alinharam com sua pré-candidatura a prefeito.

Segundo ele, estes “dissidentes” poderão ser penalizados até com a negativa de legenda.

Adriano revelou que nem o vereador Anderson Maia nem o secretário Fábio Maia estão participando das plenárias do PSB em Campina Grande.

– Estou aguardando o posicionamento deles – disse Adriano em entrevista à Rádio Panorâmica FM.

O parlamentar falou que só aceitou ser pré-candidato a prefeito de campina porque combinou com o governador que todos integrantes do PSB em Campina estariam obrigados a participar da sua campanha.

– Qualquer um que não participar está fora do PSB, seja ele vereador, ex-vereador, pré-candidato. No caso de quem tem mandato, vai ser negado o direito de concorrer – disse.